terça-feira, fevereiro 05, 2008

Horizonte de sonhos...

Horizonte de sonhos
extraviados no alto mar
guiados pela ténue luz
de uma lua escondida
Pérolas em pingente,
inundam meus olhos…
Mares salgados de ausência
disfarçados de chuva…
Sentimentos sequestrados
pela essência que transpira
do amor que acordou
a alegria de meu andar…
A tua luz e sombra que acendeu
meu desejo num só olhar…
A cada doce desencontro
nasce… sonho a sonho…
o meu verdadeiro amor.
BEIJO MEU PARA TI!
BEIJOS!!!

22 comentários:

António disse...

Querida Papoila!
A poesia que escreves está cada vez mais refinada e requintada.

Beijinhos

Å®t Øf £övë disse...

Papoila,
Muitas vezes os desencontros parecem fazer aumentar os sonhos e o amor. Bonitas as tuas palavras.
Bjo.

elvira carvalho disse...

Lindo. Muito bonito o poema.
Por este e por outros é que tem prémio lá no Sexta-feira.
Um abraço

O Guardião disse...

Poesia de qualidade com o som agradável da Teresa S. como fundo.
Cumps

Agulheta disse...

Querida amiga.Neste mergulhar de poesia, onde os sonhos são a companhia deste amor... é lindo.
Beijinho doce Lisa

Brancamar disse...

Quanto amor Papoila! E ele cresce com os desencontros e nunca se perde quando é verdadeiro.
Belíssimo poema.
Beijinho

Peter disse...

Um belo poema para recompor dos excessos do Entrudo, quem por lá andou. Eu não.

adc disse...

Segue-me até encontrares algo...

mixtu disse...

o interesse ..

o nascer ...

sonhar e voltar a...

a busca...

verdadeiro amor...

ou amor verdadeiro

um voltar depressa, por favor...

ps. ó seu ADC, querem ver que me vou chatear... yayayaya

abrazo serrano

maresia_mar disse...

que lindo poema...
Aproveita cada dia como se fosse o último, bjhs e bom fds

A paginadora disse...

Olá Papoila
Lindo poema.
Realmente é o amor que move o mundo ou deveria ser.Gosto da tua poesia intimista sempre a previligiar a arte de amar num planeta cada vez mais violento.
Visitei há instantes a Meg e passei para te deixar um beijinho de parabéns. Afinal somos raparigas da mesma geração com poucos anos de diferença mas a teu favor. Desejo-te também um bom fim-de-semana

Brancamar disse...

Venho desejar-te um bom fim de semana e ter o prazer de ouvir a bela voz de Teresa Salgueiro.
Beijinho

Mocho-Real disse...

Bom dia:
Ao contrário do que sempre fiz, hoje não venho comentar mas deixar a minha estupefacção pela sua repetida e individualizada ausência.

Cumprimentos.
Jorge Guedes

Pena disse...

Um horizonte de sonhos lindos e repletos de ternura e encanto.
Sim! Quem poderá não gostar de si?
Ninguém!
O seu sonho é puro e vive de maravilha doce e sentida.
Que o quotidiano revolto dos dias faça uma pausa para a ler atentamente.
Fascína a sua presença e o seu peculiar sentir.
OBRIGADO por ser assim.
Sonhe. O sonho comanda muitas vezes a vida exigente e conturbada.
Parabéns.
Admiro-a.
Escreve delciosamente. Com o coração enternecedor.
Beijinhos de amizade e boas leituras
Com deslumbre

pena

rendadebilros disse...

És uma romântica e os teus versos continuam a reflectir isso mesmo!!!

Se tiveres vagar e disposição, vê lá se te interessa o desafio que te deixei no meu sítio, caso ainda não tenhas respondido.

Bom fim de semana. Beijos.

Maria disse...

Amiga Maria Papoila AMEI o seu poema! Honrizonte De Sonhos é um lindo poema! Beijinho.

Fernando disse...

Passei, li e voltei a ler...
Como gosto do que tu escreves.
Beijos
Fernando

manuela disse...

Olá amiga, linda poesia.
Desejo um Feliz Domingo.
Beijinhos

Manuela

Carminda Pinho disse...

Papoila,
tu és uma fonte inesgotável de amor.

Beijos

Agulheta disse...

Olá Querida amiga.Passo para te desejar boa semana,dizer para ires ao Mar de Chamas tens lá algo para ti.
Beijinho de amizade Lisa

As Sombras de Fim do Dia disse...

É no estar e no desencontrar que o amor cresce, é saudade que faz crescer a ânsia do beijo.

Excelente Texto!

O Profeta disse...

Esplendorosa poesia querida amiga...uma carta de amor? Ou as gotas de fino orvalho de um coração puro...


Doce beijo