quinta-feira, março 08, 2007

8 de Março... Renascer...


O eco de meus passos
sobre a imensidão da vida
e a saudade da minha alma
humedecem como um furacão
os olhos, inundados de intranquilidade
espremendo até à última gota
de existir este coração…
A ânsia de liberdade
o desejo de escutar
o seu palpitar e sentir-me surda,
querer ver a beleza da vida
de olhos vendados…
A necessidade de compartilhar
uma alegria e ter que reprimir
o melhor dos sentimentos …
Viver, sentada num barril de pólvora
à espera que a combustão
dos sentimentos o faça explodir…
Ter que sorrir
quando o meu desejo é chorar…
Temer o bem e não o mal...
Reflectir deitada nas lajes
sentir a sua frialdade e dureza
na escuridão da noite de breu…
Decidida...deixei de lado a maldade,
sepultei o que me atormenta…
Levantar… ir em frente… dar a cara…
Se nascer começa com pranto
e de felicidade também se chora,
que poderia fazer agora
se decidi renascer?

BEIJOS!

PARA TI BEIJO SOPRADO...


18 comentários:

jpg disse...

PAPOILA:

Este é um poema de Primavera, de renovação. Um caminho em frente que é bom percorrer.
Chorar? porque não, se apetece!
E à nascença se chora para anunciar a nossa vinda.
Que poderia fazer agora, amiga, se decidiu renascer?

Gostei particularmente da imagem positiva que este poema anuncia e propaga.

Um bjnh.

Jorge G- O Sino da Aldeia

Mikas disse...

Querida um beijo do tamanho da grandeza das tuas palavras

Betty Branco Martins disse...

Lindíssimo este poema.


A minha mensagem escrita “à minha maneira”______nos sentires que eu traduzo_________na palavra.


Um grito selvagem________a mulher cantou
deliciou e não assustou a vasta plateia________que a admirou
nas mãos________cordas de nós feitos______escondidos
e falsos sorrisos_________aplaudiram

tinha o peito cingido por uma écharpe de seda
todo o seu corpo estava preso nas malhas ______de um belo vestido
bem medido.cuidado.civilizado
bailava a plena liberdade _________ em seus olhos
o que as malhas não tinham força para prender
e se soltou das grades_______________a voz


FELIZ DIA! QUE TODOS OS DIAS SEJAM DIAS DA MULHER!

Beijo com muito carinho

PoesiaMGD disse...

Qualquer coisa menos chorar!

refugiovirtual disse...

Um poema muito bonito e sem dúvida neste dia da mulher, nunca é de mais relembrar o valor de uma MULHER..
Gostei do teu bloge e vou voltar mais vezes..
Bom fim de semana
bjs

Papoila disse...

Lindo o teu poema, renascer e ter a oportunidade de voltar a viver...
Bjinho de algodao doce,
Papoila Sonhadora,

Isa&Luis disse...

Olá minha querida,

Belissimo poema, adorei, a força que temos em renascer todos os dias.

Muitos beijinhos para ti papoila que exalas a perfume bom.

Peter disse...

Um belo poema de quem não se deixa abater e resolutamente faz frente à vida.

Gostei.

Kalinka disse...

Apetece-me sentar-me no parapeito da janela e olhar o céu em silêncio, contemplar as estrelas, sentir-me envolvida pela luz da lua.
Apetece-me embrulhar-me num cobertor e chorar até que as forças me faltem, deitar toda a dor, mágoa, tristeza, desilusão, arrependimento, amargura, medo, tristeza…

Palavras para quê…???
Estou de férias…vou tentar «estar» muito bem.
Beijokas.
Bom fim de semana.

collybry disse...

Olá Linda Papoila,Poema arrebatadoe este, gostei muito de ler...meu beiji deixo

david santos disse...

OLÁ!
Tudo belo!
Parabéns e um bom fim-de-semana

rosa maria disse...

O texto é belíssimo, mt forte.E se decidiste renascer, só desejo que a luz te ilumine em todo o teu esplendor

serenidade disse...

Se decidires renascer vais-te sentir maravilhosamente bem, e vais chorar de alegria e dor por ja não mais querer sentir a dor.

Beijos de luz serena.

Sindarin disse...

Olá amiga! Vim trazer o meu beijito e um abraço apertado. Lindo este post."... Deixei de lado a maldade...sepultei o k me atormenta..." como isso era bom k acontecesse com tdos os k vivem para nos atormentar. Bom Doingo amiga.

o alquimista disse...

Às vezes o processo de renascer é quase uma transmigração de almas que nos faz olhar melhor a cor azul...

Doce beijo

mixtu disse...

papoila qu erenasce, novas cores, primavera da vida...

e hoje sei que o beijo é para mim... soprado... para ver se eu caio...

yayaya

beijinhos para o campo

mixtu disse...

e qq dia dia posto um texto teu...
sem autorização.. yaya

Pink disse...

Texto forte este mas muito bem escrito. Faz bem ler algo que transborda de força de viver, apesar das coisas negativas da vida!
O caminho e a vida são em frente!

Um beijo. Gostei de aqui vir e te ler.