segunda-feira, maio 29, 2006

A caminho do mar...

Pelas margens da montanha,
descemos
como um rio...
até ao vale.

A cada passo que damos, ouve-se mais forte
o som das árvores
e dos pássaros,
e o silêncio vem buscar-me...
Para onde?

Deixas teus passos suspensos
de ti,
a cada passo que dás...
para mim.
É decisão de peito aberto,
desafio,
ausência...
sem receio de perder!

Então, escorremos levemente
pelos caminhos
que criamos à passagem,
e pousamo-nos mais tarde,
junto ao mar...

BEIJO ENORME!

10 comentários:

Lisete disse...

A paisagem é linda e o poema também... Encontrei o teu blog e adorei a forma como escreves...

Arthur Saraiva disse...

Sempre encantador eeste teu cantinho, que bom saborear a tua escrita... Um beijo e uma boa semana (Arthur Saraiva)

zalinha disse...

Hummm..quem me dera estar ali,comeste calor era ouro sobre azul...tb gostei do texto:)não foi só da imagem.bjs

Å®t_Øf_£övë disse...

Papoila,
Bonitas estas palavras sobre o amor. Que todos esses passos que vais dando te encaminhem até junto do mar, e que ambos possam assistir a um lindo pôr-de-sol.
Bjs.

Gaybriel disse...

Simplesmente lindo...Adorei as tuas palavras, assim como a escolha da imagem...bela! Bj grande

Anónimo disse...

O caminho das águas sob a forma de um lindo poema... adorei!!

Um dia
Ao despontar da Primavera
Avistei uma linda flor
Era tão bela
Mas pequenina
O vento acariciava cada pétala
O sol banhava-a de calor
E ela
Tão frágil
Tão bela
Uma papoila pequenina

Bjo da Medusa

Ana Luar disse...

Adorei correr contigo rio abaixo e desaguar na imensidão do mar............
Aleluiaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa consegui comentar no teu blog minha papoilita querida... ki xodadinhasssssssssssssssssssss de ti mulher!

Anónimo disse...

Senti o campo, todas as cores...
Repousei o olhar e o corpo por entre papoilas e a brisa do vento...

Perdi-me do tempo, senti a frescura do rio, descendo ...

misturar-se com o mar!

No caminhar para o mar, a magia da voz de Amália,neste belo tema cantado por tantas vozes...

Como no Amor,
nas palavras,na música, na voz,...

Na vida: A beleza da Arte!

Foi bom estar aqui...
Hei-de voltar!

MJ

Ana Maria disse...

Olá querida Papoila

"Então, escorremos levemente
pelos caminhos
que criamos à passagem,
e pousamo-nos mais tarde,
junto ao mar"

e lá daremos as asas.

um jinho

aldora disse...

Olá
Que bonito o poema o gif. Já imagino as papoilas pelos penedos abaixo, e nas margens, as rãs a saltar á passagem de alguém se vai refrescar.
Um bom final de semana
beijinho