terça-feira, maio 08, 2007

Paraiso Natural e Isabel Silvestre...

Há 59 anos ali onde a Serra da Gralheira se acaba e começa a da Freita, nasceu Isabel junto a rios e ribeiros de águas cristalinas. Rios atravessados por pontes romanas, onde se encontram ainda moinhos, encostas de vegetação luxuriante com destaque para o azevinho e pastos com vacas e cabras... Dançar e cantar faziam parte da sua vida desde menina.
Aí, onde vivia, Manhouce, almocreves e recoveiros que percorriam a velha estrada romana que ligava o Porto a Viseu sempre pernoitavam e como a música e as cantigas acompanhavam as pessoas no trabalho, na fé e na festa, trocavam entre si modinhas... é por isso que na sua etnografia se nota a influência do Douro e da Beira litorais. Os cantares faziam parte da vida da gente de Manhouce que os cantavam a três vozes “Baixo, Raso e Riba”, sem instrumentos musicais. O canto era tão importante que uma rapariga "rica, bonita e com uma rica fala" era muito pretendida para casar... Também se falou assim dela e a sua voz foi naturalmente sendo notada em casa e no circulo dos amigos, depois na igreja e mais tarde no Rancho Folclórico de Manhouce criado em 1938 e que se transforma no Grupo de Cantares e Trajes de Manhouce a partir de 1960 (devido à emigração) onde a menina Isabel foi solista. Cresceu , estudou em Viseu na Escola do Magistério Primário e torna-se Professora Primária, sempre ligada a sua terra onde chegou a Presidente da Junta. Os trajes que o grupo apresenta são de festa e de casamento e usavam-se no início do século XX. O fato da mulher é luxuoso ornamentado com muito ouro no peito e nas orelhas. Na cabeça e sobre o lenço o típico chapelinho de tricana de veludo preto. revirado e bordado a vidrilhos e ornamentado com penas.
Simplicidade, naturalidade e autenticidade são as suas maiores qualidades. A sua límpida, poderosa e cristalina voz depressa se fez notar e muitas foram as suas actuações quer em Portugal quer no estrangeiro em vários continentes. Rui Reininho (A pronúncia do Norte), António Chainho, Pedro Caldeira Cabral, Rão Kyao, Vitorino, João Gil fizeram com ela gravações ou espectáculos em espaços culturais de grande prestígio. No seu primeiro trabalho a solo, A Portuguesa, canta originais de José Afonso, José Mário Branco, António Variações e Rui Veloso. No seu disco Eu, interpreta música popular portuguesa. Participou no disco Bom Jesus - Alegria dos Homens, produzido na Madeira, com músicos conceituados.
Escreveu três livros “Memórias de um Povo” e “Cancioneiro Popular de Manhouce” que se encontram esgotados e “Doçuras”( um livro de culinária).


“Da magia do coral se eleva, como uma branca auréola musical, a voz puríssima de Isabel Silvestre, em que se ouve o mergulhar das águas maternas da origem” escreveu sobre ela um dia, Natália Correia.


Da Meg, do blog A Recalcitrante recebi este meme Paraíso Natural, com a obrigação de falar do Rancho, do Grupo de Cantares e Trajes de Manhouce e claro de Isabel Silvestre, o que constituiu para mim uma honra. As imagens foram recolhidas na net. É a minha vez de passar o "meme" Paraíso Natural. a outros bloggers para que o continuem...
E os felizes contemplados são na Madeira Ana Scorpio, no Brasil http://oscar-vg.blogspot.com/ e Filipe da Praia da Claridade, na Figueira da Foz.
BEIJOS

23 comentários:

jpg - o sineiro disse...

Bela homenagem à terra de Isabel Silvestre e a ela própria.


Um bjnh.

Meg disse...

Este é o meu paraíso, e tu conseguiste dar a conhecer uma Mulher especial, natural e apaixonada por estas terras.
Um abraço e os meus parabéns.

Miosotis disse...

Olá...!
Uma terça-feira repleta de coisinhas boas e caprichadas para vc.
Dia repleto de tranquilidade ,serenidade e alegria no seu coração.
Paz e luz.
Beijinhos de bem-querer.



“A arte de VIVER com sabedoria e serenidade começa a ser posta
em prática quando aprendemos a lidar, equilibradamente, com os
presentes que a VIDA nos oferece e, a partir daí, presenteamos com
sentimentos perceptíveis e palpáveis de entrega e doação ,os que AMAMOS.
Demonstramos assim, como eles constituem partes muito importantes de nós.

VC É ESPECIAL!

Simplesmente louco disse...

Como eu gosto de ler os teus e a forma como os escreves minha amiga, dentro do pouco tempo que tenho é um dos cantinhos que eu gosto de visitar.
Boa semana,
Beijo

António disse...

Querida Papoila!
Confesso que não me lembrava de alguma vez ter ouvido ou lido o nome de Isabel Silvestre.
Quanto mais não fosse, só por isso teria valido a pena ter lido este teu post.
(Manhouce e os seus cantares, sim, já conhecia há muitos anos)

Obrigado pelo teu comentário ao meu conto "Herança".
Ficaste pensativa?
Pois claro!
O meu blog é um dos que faz pensar!
ah ah ah
(e, efectivamente, a minha intenção foi levantar a questão da importância da hereditariedade nos comportamentos agressivos e criminosos)

Beijinhos

Juda disse...

Gosto muito da voz desta senhora... um abraço...

joão oliveira disse...

dixei um comentário em "papoilam comigo"

Miosotis disse...

Grata pela visita minha boa amiga e fiquei feliz por meu post te ter levado recordações....
É sempre tão bom recordar!
Deixo um beijo de boa noite.
Até amanhã

Osc@r Luiz disse...

Papoila minha querida,
Pesquisei e entendi a idéia.
Mas pra mim não é tão simples como pra vocês que tem o dom da palavra.
Agradeço a sua lembrança, mas vai ter que me dar um tempinho pra preparar.
Assim que tiver pronto eu aviso!
Beijos lisonjeados!

Papoila Sonhadora disse...

Ola Doce Papoila, vim visitar-te e deixar-te um bjinho,
Adorei as lindas paisagens com as quais hoje nos contemplas,
Papoila Sonhadora,

rendadebilros disse...

Tenho que voltar aqui com mais tempo ( estou numa "corrida" antes de ir fazer o jantar...) ... mas vim só dizer que já percebi o teu ar brincalhão... é dos amores...perfeitos !!!
Beijos.

haziell disse...

Olá Papoila. Feliz por estar aqui mais uma vez. E como sempre deliciando-me com textos lindos que por aqui deixas.
"A felicidade é difícil de se atingir, pois só a atingimos tornando felizes os outros." Tenha uma optima semana.

paty disse...

ola linda !!
me desculpe nao ter vindo
mais cedo pois tanho andado
muito doente!mas aqui estou
para poder dizer um ola
e desejar tudo de bom !jocas
felicidades

APC disse...

Belíssimo contributo, este teu!
Muito bem enquadrada e iustrada em palavras a história de Isabel Silvestre. A magnífica canção que se ouve de fundo (e que sei de cor), só a tinha ouvido na voz de Rui Veloso. ADOREI o momento!!! :-)

katrina disse...

Olá Maria
Linda voz de facto e lindas paisagens também... lembra-me a minha terra! Jinhuzzzz

Miosotis disse...

Posso ver-te , doce luz da minha existência
Sentir teu perfume inebriante.
Escutar o palpitar do teu coração.
Enxugar tuas lágrimas que teimam
Em correr , dando um brilho tão
especial ao teu olhar , que me busca ,
mas não me vê . Busca enxergar-me
com tua alma e nas coisas à tua volta ,
aí me verás . Na luta do dia
a dia , eu te acompanho e te dou
força , amparo e proteção , só tu
não me vês...nas tuas noites mal
dormidas , eu te acalento e embalo ,
só tu não me ouves...Busca a mim
em todos os momentos e a ti eu
sempre torno , com muito amor e
carinho senão , por que seria eu um
“ Anjo Guardião ? ”

★ ★ ★

★ ★ ★ ★
.....{\......._____....., ★ ★
....{*.\.....(*~*~*).../}
...{.~.*\....////^^\../~} ★
...{*....\..(((/.6.6./.*} ★
...{..*.~.\.)))c..=.)*..}
....{*...*.////'_/~`.~.} ★ ★
.....{~.*.((((.`.`\.*}'
......`{.~.)))`\.\))_.-:<*> ★ ★
.........`{.(()..`\_.-'`.`:'
...........`)/.`..|
...........(....\' \ ★ ★
.............\....\ .\
........_ .__\...| / ★
.......|` `'...``Y;
.......|./``-../../ ★ ★

★ ★ ★
COM CARINHO ......

Catarina disse...

Enquanto houverem vozes como as de Isabel Silvestre haverão sempre paraisos naturais!

Bjto

maresia_mar disse...

Olá
e que grande voz.. e então quando ela canta com o Reininho «é a pronúncia do norte.. corre o rio para o mar...»
Simplesmente magnifico o teu post!

Bjhs

Maresi@ disse...

Ola "vizinha"...saudades deste teu recanto e do aconchego dele...
Encantador como... nos brindas sempre...

Beijo suave__maresia

soslayo disse...

Papoila:

Excelente voz esta da Isabel Silvestre. Não foi por acaso que os GNR convidaram-na e ela aceitou gravar uma canção com eles. Um beijinho.

magarça disse...

Bonita homenagem a uma das melhores vozes portuguesas.

Anónimo disse...

Bem haja pela tranquilidade e intensidade de bem estar com a tua voz nos envolve. Ouvir Isabel Silvestre faz-nos levitar para outra dimensão onde tudo é felicidade e magia de paz...

Anónimo disse...

Isabel,

Fico muito feliz de conhecê-la e tê-la como prima, estou voltando a Manhouce agora e, além de revê-la, bem como aos primos Silvério e Domingos, ter o prazer de cantar consigo.

Um abração,

Prof. Edson Gonçalves Ferreira
Divinópolis - Minas Gerais - Brasil