quinta-feira, junho 28, 2007

A barca da vida...

Carregados de experiência de vida… memórias… bons momentos… perdas… cada um com a sua carga especial e única…caminhamos num destino comum… mostramos as marcas da viagem… aqui… uma proa abalroada…ali… velas queimadas pelo Sol… o casco enegrecido pelo abraço permanente das ondas... a esperança de encontrar mares calmos… ter a coragem e a paciência de um bom navegante nas tempestades… a esperança de encontrar o amor… quando a barca lance a âncora nas águas mansas da baía eterna...


"A vida é a infância da nossa imortalidade." (Goethe)


PARA TI UM BEIJO MEU!
BEIJOS!!


"O que se deixa para trás não é o que é gravado em monumentos de pedra, mas o que é tecido nas vidas de outros." (Péricles)

As fotos são retiradas da net

7 comentários:

Era uma vez um Girassol disse...

Linda mensagem!
E nunca perder a esperança de encontrar o amor, a harmonia, o equilíbrio, a paz.
Sempre a Busca!
Beijinho

Meg disse...

É verdade, sim, Papoila... O que se deixa para trás é o que é tecido vas vidas dos outros.
Um abraço

Peter disse...

Locais por onde passo e que me recordam momentos vividos, dos quais recordo secretas e agradáveis lembranças.
É bom recordar. Quem não tem lembranças, não tem passado, não viveu, quando nasceu já era um "morto-vivo".

Sandecida disse...

ola
a vida é uma viagem... e cabe a nós navegadores escolher o rumo da nossa barca...

bjos sempre doces

brisa de palavras disse...

cada um desde que um dia vem a este mundo...começa a sua viagem e a carregar o seu barco...deixando e trazendo marcas!
um abraço
brisa de palavras

rendadebilros disse...

As tuas palavras são sempre inspiradíssimas! As fotos que escolheste ( foste tu que fizeste a composição das mesmas? ) são fantásticas! Tão bonito tudo aqui!
Beijos.

António disse...

Querida Papoila!
Um belo texto com uma bem imaginada metáfora.

Beijinhos