domingo, maio 31, 2009

os meninos espantalhos...

Era uma vez uma menina espantalho que vivia e cuidava de um campo de fruta em Alcobaça. Ela sentia-se muito só naquele campo que era muito grande e por isso mal caía a noite, soltava-se dos paus que a prendiam e passeava pelo campo de cá para lá e de lá para cá... De manhã, os passarinhos vinham visita-la, porque apesar de ser um espantalho, era muito doce e simpática e por isso os pássaros eram amigos dela mas, com a condição e a promessa de nunca tocarem nas sementes que ela tinha de guardar. Um dia, numa madrugada de Verão, um pássaro azul chegou com uma boa nova para a menina… contou-lhe com detalhes minuciosos que no campo vizinho tinham começado a semear, havia muita gente nova e um deles era um espantalho jovem que também parecia ser muito simpático.
A menina sentiu-se feliz com a notícia mas ficou um pouco assustada, pois outros pássaros amigos dela tinham-lhe contado que alguns espantalhos eram muito maus e temia que o seu vizinho fosse desses e assustasse os seus amigos. Mal caiu a noite, inquieta, encheu-se de coragem e foi investigar… Era uma bela noite estrelada, com uma lua esplendorosa cheia de magia em que se ouvia as cigarras a cantar em coro. Muito devagar e em silêncio chegou perto da cerca de madeira e atravessou-a mas ao chegar junto do espantalho fugiu assustada ao ver que ele se virava de rompante. No dia seguinte os seus amigos chegaram mais tarde ao seu encontro, e conversavam todos sobre coisas novas e como tinham sido bem acolhidos. Curiosa e um pouco ciumenta perguntou do que se tratava … Era simples, os pássaros antes de passar pelo seu campo, passaram pelo do vizinho e encontraram-se com o menino espantalho que estava à espera deles com água e sementes … A menina espantalho quando os ouviu ainda ficou mais intrigada que antes, e nessa noite cheia de valentia decidiu enfrentar o seu vizinho…
Quando lá chegou encontrou-o sentado, a olhar para o céu, e como estava mais precavida, aproximou-se pelo mato para não dar na vista. Quando chegou suficientemente perto viu que a cara dele estava triste, e os olhos brilhantes. Então, sem cobardia, aproximou-se dele, cumprimentou-o, sorriu-lhe e ficou a olha-lo com ternura. Ele, envergonhado com a situação, cumprimentou-a com cortesia e ficou pensativo Ela, que não podia esperar, começou a fazer-lhe perguntas a que ele respondeu com amabilidade… contou-lhe que na noite anterior se tinha assustado com um ruído, e quando se voltou viu uma sombra a fugir… imediatamente percebeu que era ela e que a tinha assustado sem querer… disse-lhe que também ele por estar só procurava a companhia dos pássaros e eles contavam-lhe histórias sobre ela… que era muito tímida e medrosa e que foi por isso que tinha fugido na véspera à noite... O espantalho não conseguiu esconder a sua alegria pela possibilidade de poder estar assim junto dela. E foi assim, que nessa calma noite, aconteceu o milagre de se tornarem grandes amigos. Todas as manhãs os pássaros voam entre um e outro e levam mensagens e todas as noites, se encontram perto da cerca de madeira para caminharem juntos até à lagoa, conversar sobre a vida e ouvir os grilos que cantam até o orvalho os vir acariciar… Passeiam de mãos dadas até à hora de cada um voltar para o seu campo…


*****

Desde 1 de Junho de 1950 que se comemora o Dia Mundial da Criança por iniciativa da Federação Internacional de Mulheres Democatas que propôs à ONU a criação deste dia. Este dia não é só um dia de festa. É um dia em que se pensa nas centenas de crianças que continuam a sofrer de maus tratos, doenças, fome e discriminações. Podem ver aqui a página do Comité Português para a UNICEF
Em 20 de Novembro de 1989, as Nações Unidas adoptaram por unanimidade a
Convenção dos direitos da criança, documento que enuncia um amplo conjunto de direitos fundamentais – os direitos civis e políticos, e também os direitos económicos, sociais e culturais – de todas as crianças, bem como as respectivas disposições para que sejam aplicados.
Este é o meu tributo ao Dia Mundial da Criança...
BEIJO MEU PARA TI!
BEIJOS!!

15 comentários:

Ana Martins disse...

O teu texto Papoila é uma história de amizade lindíssima, qualquer criança adoraria lê-la.

Beijinhos,
Ana Martins

Sonia Schmorantz disse...

Que linda homenagem fez...
beijos

elvira carvalho disse...

E é uma linda história de amizade, que faria feliz qualquer criança.
Deixo um abraço e desejos de um óptimo fim de semana.

Agulheta disse...

Papoila. Adorei a história,que me levou em tempos de menina,onde a amizade se estende num grande rio chamado amizade, simples e pura.
Beijinho bfs

lilás disse...

Linda homenagem, adorei a história.
Bom fim de semana

Pena disse...

Doce Amiguinha:
Que ideia fabulosa e ímpar, esta dos espantalhos.
Que texto mais profundo e belo. Linda. Fantástico.
Um sentir precioso que sempre admirei em si, acredite? Por ser autêntico, genial e talentoso, no sentimento e no pensamento extraordinário.
Adorei. Lindo.
Com respeito imenso e gigantesca estima.
Beijinhos amigos
Sempre a admirá-la e a considerá-la.


pena

Adorei!
Bem-Haja pela sua enorme significação de ternura e pureza dos seus maravilhosos versos e textos em prosa que leio sempre mais que uma vez...

Isamar disse...

Uma história muito bonita, contada por uma rubra papoila que perpassa amizade, amor, carinho, altruísmo...
Li, reli e vou recontá-la a alguns meninos.

Beijinhosssss

Bem-hajas!

Quase nos 50 disse...

Fiquei emocionada, sabia?
Uma história linda, de amizade e sobretudo e amor ao próximo.
Parabéns!
Eu já não sou criança mas a criança que há dentro de mim adorou!
Bjs

Intruso disse...

gostei do conto :)

rendadebilros disse...

E quem passa por Alcobaça
não passa sem lá voltar....
e é sempre bonita a amizade contada por ti.
Beijos. Bom domingo.

Iscte 72-77 disse...

Um conto muito bonito e contado de uma forma muito doce. A amizade e um sentimento lindo mas pouco frequente. Gostei muito...

Menina do Rio disse...

Linda história Papoila! Ser criança é poder sonhar!

Um beijo de boa semana

helia disse...

Uma história enternecedora para o Dia Mundial da Criança!

Fernando Santos (Chana) disse...

Olá, bela história dedicado ás crianças...Espectacular....
Beijos

mundo azul disse...

__________________________________


Que bonita a sua história!

Fazia tempo que não lia uma história tão terna, tão fluida...


Beijos de luz e o meu carinho!!!

Zélia

_______________________________